Em jogo cheio de gols, Confiança e América-RN empatam em 3 a 3

Jogo bastante movimentado na Arena Batistão. Após um primeiro tempo morno, equipes voltaram com outro ânimo para a segunda etapa, onde saíram quatro dois, sendo dois para cada lado. A postura mudou, mas o empate não saiu do placar e a partida terminou em 3 a 3.

PRIMEIRO TEMPO

Times começaram se estudando muito. Confiança botou duas bolas na trave, mas quem saiu na frente foi o América-RN. Wandinho fez boa jogada e arriscou de longe, bola foi quicando sem chances para Genivaldo.

A partir daí o Confiança ficou um pouco desnorteado, e o Mecão foi em busca do segundo. O Dragão foi se acertando e pressionou, até que conseguiu o empate. Raí tenta cruzar e a bola vai direto para o gol.

SEGUNDO TEMPO

Confiança voltou do intervalo pressionando e logo aos seis minutos Rafael Villa virou o jogo. A reação do América-RN não demorou e logo aos treze, Cascata, de pênalti, empatou a partida. Everton, sempre ele, virou o jogo novamente, após lançamento de Raí e falha do goleiro Daniel.

O Confiança seguiu pressionando, mas não ampliou e foi castigado. Flávio Carioca aproveitou escanteio e deixou tudo igual para o Mecão. E foi isso, empate na Arena Batistão.

fonte: Globo Esporte.com, 20 de abril de 2018.

   
         
         
         
         
         
   

Ney da Matta é confirmado como novo técnico do América-RN

Campeão da Série C do Brasileirão de 2016 pelo Boa Esporte, Ney da Matta é o técnico do América-RN para a sequência da temporada. O anúncio foi feito na noite desta segunda-feira pelo vice-presidente do Alvirrubro, Eliel Tavares.

Ele chega para substituir Pachequinho, demitido no último domingo após fracassar no Campeonato Potiguar, e terá a missão de comandar o Mecão na Série D e na pré-Copa do Nordeste.

- A contratação do Ney da Matta se deu no critério que tínhamos falado ontem (domingo), de um treinador que tivesse acessos, e acreditamos que ele irá fazer um bom trabalho, na recuperação desse elenco. Também vamos fazer novas contratações - declarou Eliel Tavares à Rádio Globo Natal.

O último clube de Ney da Matta foi o Remo, do qual acabou desligado no último dia 26 de fevereiro. Ficou quase três meses no Leão, com apenas 10 jogos à frente da equipe - foram quatro vitórias, quatro derrotas e dois empates.

Antes, em 2017, dirigiu o CSA. Deixou o Azulão em setembro, na disputa da Série C do Brasileiro, depois de uma polêmica com o ex-corinthiano Rosinei. Entregou o time na segunda colocação do Grupo A. Em 19 jogos, acumulou 10 vitórias, sete empates e duas derrotas.

Na carreira de treinador, ainda tem passagens por clubes como Ipatinga - pelo qual também tem um acesso à Série B, em 2011 -, CRB, Sampaio Corrêa, Brasiliense, Vila Nova, Guarani e Campinense. No fim de 2016, Ney da Matta chegou a negociar com o América-RN, mas não houve acordo e, naquele momento, o nome escolhido acabou sendo o de Felipe Surian.

Ney será o terceiro técnico do América-RN em 2018. Além dele e Pachequinho, o Alvirrubro contou com Leandro Campos no início da temporada.

Saída de diretor de futebol

Leonardo Bezerra deixou o cargo de diretor de futebol do Alvirrubro. Ele comunicou a sua saída em uma rede social. Na postagem, disse que "todo ciclo tem um fim" e que acredita "que o clube deveria seguir o rumo da profissinalização". Também pediu desculpas "pelos resultados que não consegui obter".

fonte: Globo Esporte.com, 19 de março de 2018.

   
         
         
         
         
         
   

América-RN leva susto, mas goleia Assu e adia definição do segundo turno

O América-RN quase deu adeus ao título, mas goleou o Assu por 4 a 1 na Arena das Dunas e ainda segue na luta pelo segundo turno. O Alvirrubro mostrou pouco brilho e pouco fez no primeiro tempo.

Abriu o placar logo aos 10 minutos do primeiro tempo com Adriano Pardal e perdeu boa chance de ampliar, mas Adriano Alves desperdiçou. O Assu, sem preocupação com título, empatou ainda na etapa inicial. No segundo tempo, o time de Pachequinho deslanchou.

Apesar de não fazer um bom jogo, chegou à goleada graças aos gols marcados por Juninho Tardelli, aos 8, Lopeu, aos 20, e Guilherme, aos 36. Com o resultado, o Mecão chega aos 10 pontos e segue à espera de um milagre para ficar com o título do segundo turno - está cinco pontos atrás do líder ABC.

Para isso, precisar vencer seus dois últimos jogos e torcer para que o maior rival não vença seus últimos compromissos.

PRIMEIRO TEMPO

O América-RN sabia que precisava da vitória para, pelo menos, continuar sonhando com o título. Por isso começou o jogo buscando o resultado. Logo aos quatro minutos, Jefferson Bala salvou em cima da hora o que seria o gol de Adriano Pardal. Na segunda tentativa, o camisa 11 do Alvirrubro levou a melhor e abriu o placar, pegando rebote do goleiro em chute de Mateusinho, aos 10 minutos.

O Assu tentava construir alguma jogada, mas foi o time da casa que quase ampliou - faltou pontaria para o zagueiro Adriano Alves. A partir daí, o Camaleão do Vale se encontrou e Luzinho aproveitou confusão na área para empatar.

SEGUNDO TEMPO

No prejuízo no placar, o técnico Pachequinho voltou para a etapa final com Lopeu no lugar de João Victor - pouco participativo. O América-RN voltou à frente no placar aos oito minutos com Juninho Tardelli que bateu de chapa após cruzamento de Guilherme.

O gol esfriou o ímpeto do Assu, que diminuiu o ritmo e viu a goleada se desenhar. Aos 20, Lopeu aproveitou bobeada da zaga e deu um toquinho por baixo das pernas de Wadson para ampliar. O resultado foi sacramentado no fim, com Guilherme, aos 36, que tentou cruzamento da direita, a bola desviou e entrou direto no gol.

fonte: Globo Esporte.com, 09 de março de 2018.

   
         
         
   

                  Notícias Anteriores

               


Clique no escudo do seu time

ABC ALECRIM AMÉRICA RN

ASSU BARAÚNAS CORINTIANS DE CAICÓ

CURRAIS NOVOS E C FORÇA E LUZ GLOBO F C
PALMEIRA DE GOIANINHAPOTIGUARPOTYGUAR

SANTA CRUZ SANTA CRUZ DE NATAL

   
         

 


                           

Volta à página inicial.